Conecte-se agora
acesse relogio

PINDA

Pinda trabalha para ser MIT

Publicado

em

Visita ao Museu de Pinda

Com a assinatura de convênio junto ao SENAC, Pindamonhangaba deu mais um passo rumo à conquista da classificação como Município de Interesse Turístico e, consequentemente, se habilitando à verba estadual concedida aos MITs.

Dos 140 lugares disponibilizados, 71 municípios já conseguiram a titularidade por conta de terem, junto à Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, a aprovação dos respectivos Planos Diretores de Turismo, documento exigido para tal classificação. Aprovados, os PDTs são encaminhados para sanção do Governador Geraldo Alckmin.

Pelo convênio, o SENAC ministra um verdadeiro workshop intensivo, aos indicados pela Administração Municipal, focando técnicas de elaboração do Plano Diretor de Turismo.

Basicamente, o conteúdo desse trabalho é a pesquisa de campo, elencando o máximo de atrativos turísticos contidos na cidade, os já em funcinamento, quais têm potencial e, inclusive, a descoberta de nichos de mercado turístico ainda não explorados.

Os encontros para elaboração do PDT acontecem em 3 dias da semana, no Palacete 10 de Julho, reunindo 31 pessoas, além dos instrutores do SENAC. Cada encontro dura 4 horas e o PDT precisa estar finalizado até meados de fevereiro.

Terminada elaboração, findas as revisões, todo o material é formatado em relatório mostrando “a cara turística” do município e encaminhado ao Prefeito Isael Domingues, o qual – por meio de mensagem oficial, o encaminha para apreciação da Câmara de Vereadores.

Na Câmara, o Plano Diretor de Turismo passa pelo crivo das diversas Comissões Permanentes, como as de Legislação, Justiça e Redação; Finanças e Orçamento e, necessariamente, a Comissão de Educação, Cultura, Turismo e Esporte.

Pesquisa de Campo

No dia 19 de janeiro os participantes do grupo responsável pela elaboração do PDT de Pindamonhangaba participaram de um City Tour, já formatado há algum tempo, para avaliação dos atrativos contidos no mesmo. Coordenado pela Diretora de Turismo de Pindamonhangaba, Ana Lúcia Gomes Araújo, e orientado pelo Técnico do SENAC, Álvaro, o grupo percorreu o centro da cidade, a bordo de um ônibus, recebendo informações do Guia de Turismo Fábio, o qual discorreu sobre grande parte da história da cidade e seus atrativos.

Seguindo o roteiro, passagem pelo Museu Histórico e Pedagógico Dom Pedro I e Dona Leopoldina, conhecendo ou revendo suas instalações e um pouco de seu acervo.

Um tempo de estrada e a primeira parada, na zona rural, foi a fazenda da Comunidade Nova Gokula (Hare Krishna), oportunidade para apreciar os espaços para trilhas, o rio que corta a propriedade, área de soltura de animais. Vijaya Marga Das, anfitrião do grupo, comentou sobre os benefícios do pleno contato com a Natureza, destacando pontos avermelhados, nos troncos das árvores. Segundo Vijaya, são sinais de, no ambiente, existir oxigênio puro.

Saborear produtos da cozinha vegana, como a concorrida coxinha de jaca, e uma visita ao templo, com direito a assistir ao ritual de abertura do altar das deidades, foram momentos importantes para o rol de itens a serem avaliados. Visita às lojas também foi item de apreciação.

Da Nova Gokula o grupo seguiu para o Pesque Truta Ribeirão Grande, outro espaço de incríveis momentos junto à Natureza, com corredeiras de água limpa e bem fria, locais para pouso, um bem montado restaurante e lago para pesca de trutas.

Carro chefe do restaurante, a truta foi servida ao molho de alcaparras, com acompanhamento de arroz branco, farofa, salada de legumes. Entrada simplesmente deliciosa: trutela, um incrível patê de peixe. Fechando o cardápio, doces caseiros: de leite, banana, maracujá e abóbora. Para refrescar, água com rodelas de limão.

Pós refeição, caminhada até a Usina de Izabel (e não Usina Santa Isabel, como é conhecida). O nome foi dado pelo proprietário, em homenagem à sua esposa.

Localizada num pequeno platô, cerca de 350 metros acima do restaurante, a usina localiza-se em área particular, mantendo características originais de sua construção, como o próprio prédio, em cuja fachada está a inscrição “UZINA IZABEL”.

Essa usina está em fase de recuperação e deverá ser reativada até final deste primeiro trimestre, com previsão de ser conectada ao sistema de distribuição de energia, produzindo cerca de 2.500kW hora.

De volta ao centro, uma parada estratégica no Restaurante Colméia, onde foi possível saborear bem servido café, com bolos caseiros, pães, patês e a imperdível degustação do café com rapadura, preciosidade da culinária caipira.

O espaço do Restaurante Colméia é muito bom, com características de ranchão de fazenda, é bem ventilado, com iluminação planejada, amplo e com boas acomodações. Tem um bonito fogão à lenha, armazém de produtos da roça, incluindo-se cachaça artesanal.

Tarefa

O grupo fomado para elaborar o Plano Diretor de Turismo tem a responsabilidade de se estruturar o melhor possível para elencar os atrativos turísticos; serviços de hospedagem; transporte; gastronomia; comunicação e atendimento de emergência, por exemplo, classificando-os com notas de 1 a 3, estabelecendo a capacidade de cada perfil e suas particularidades. Festas tradicionais, eventos sazonais, artesanato e culinária obrigatoriamente precisam ser contemplados e avaliados.

Segundo a Diretora de Turismo, Ana Lúcia, o investimento para essa atividade será bem recompensado, haja vista a formação obtida pelos participantes do grupo, os quais passam a ser, automaticamente, multiplicadores do conhecimento, facilitando o trabalho quando da necessária atualização do PDT.

Com essas atividades do mega workshop para montagem do PDT de Pindamonhangaba, sob orientação de especialistas, o município atinge condições ideais de pleitear a classificação como MIT. Precisará de grande apoio de um representante do Legislativo Estadual, o qual deverá assinar projeto de Lei para encaminhar o PDT à ALESP, em tempo de se ter agendamento para apreciação das Comissões; discussão e votação dos deputados e sanção do governador.

A reportagem do Canal39 acompanhou o trabalho de Pesquisa de Campo do grupo.

Veja alguns momentos desse trabalho de campo:

  • Visita ao Museu Histórico e Pedagógico Dom Pedro I e Dona Leopoldina (Foto:Marcos Ivan, Canal39)

  • museu

    Museus Histórico e Pedagócigo Dom Pedro I e Dona Leopoldina, um dos atrativos turísticos de Pindamonhangaba (Foto: Marcos Ivan, Canal39

  • "Escorregador" no Pesque Truta Ribeirão Grande

  • museu

Jornalista, Publicitário, Bacharel em Comunicação Social pela Universidade de Taubaté. Radialista com passagens pelas emissoras Globo e Capital 1040-AM de São Paulo, TV Setorial (Pindamonhangaba), Rede Difusora de Rádio, Rede Bandeirantes de Rádio. Escritor, autor de "Mergulho, uma proposta de ajuda" (Editora Ave Maria-SP) Produtor artístico, coordenador de eventos. Diretor proprietário da empresa Marcos Ivan de Carvalho ME Diretor do site www.canal39.com.br e da web radio www.radiocanal39.online

PINDA

GESTÃO PÚBLICA: 60 famílias recebem Certificados de Doação e “ganham liberdade” em Pinda

Publicado

em

RIcardo Piorino e Isael Domingues entregando um dos certificados a uma cidadã de Pindamonhangaba

Imaginem a cena: No ponto de ônibus, uma senhora de seus 65 anos de idade, abraçada a uma pasta de cartolina branca, com os olhos inundados de lágrimas.

O repórter, seguindo seu faro jornalístico, aborda educadamente a senhora e indaga se precisa de alguma ajuda.

Enxugando as lágrimas, Dona Maria (vamos chamá-la assim) ergue as mãos para o alto e diz, sorrindo: “a ajuda veio hoje, meu filho, e eu estou chorando de felicidade”…

Essa mesma senhora estava no auditório da Prefeitura, minutos antes, ao lado de mais um tanto de pessoas, convidadas para participarem de um ato que ficará marcado para todo o sempre em sua história.

Dona Maria, e todos os outros, acabavam de receber o tão sonhado e reclamado “Certificado de Doação”, documento indispensável para a regularização de suas moradias, em diversos bairros da cidade.

“Meu filho, a espera foi de 20 anos! Durante todo esse tempo só vivemos de promessa e enrolação! Agora, felizmente, temos nosso direito respeitado. E com assinatura do senhor prefeito”, disse aquela munícipe, afirmando – ainda – que tem, agora, a garantia de poder morar em paz, na sua casa, ao lado da única companhia, que é sua filha.

Parte dos munícipes contemplados com o Certificado de Doação, documento indispensável para a posse definitiva de suas moradias.

As ações de Regularização Fundiária, desenvolvidas pela Administração Pública, contemplaram, neste evento, 60 famílias residentes em imóveis até então carentes de documentação e legalização.

O prefeito Isael Domingues, em fala aos contemplados, destacou ser – a entrega dos Certificados de Doação – a liberdade para todos. “Parabéns a todos que estão tendo, agora, mais segurança com os seus imóveis. Nós não queremos ninguém refém, no futuro, do encabrestamento. Quando eu falo isso eu falo da questão política. […] Isso é de vocês, está com vocês. Liberdade, essa é a palavra, para vocês terem a opinião que quiserem ter, na condição de terem a vida com segurança, naquele espaço”, disse Isael Domingues em breve fala de parabenizar aos munícipes certificados na oportunidade.

Segundo informações, pelo menos mais 70 regularizações devem acontecer nos próximos meses, ajustando as ações à demanda manifestada e reprimida, até então.

Além do prefeito Isael Domingues, participaram da entrega de Certificados de Doação, o vice-prefeito e Secretário de Gestão e Articulação Política, Ricardo Piorino; Secretário de Habitação, Meio Ambiente e Regularização Fundiária, Marcus Vinícius Faria Carvalho; Diretor de Habitação, Álvaro Staut Neto; Diretor do Departamento Judicial, Carlos Daniel Zenha de Toledo.

(Fotos e texto: Marcos Ivan de Carvalho, MTb 36001 – Canal39)

Continue Lendo

PINDA

PINDA: Inscrições para Festival Sertanejo terminam nesta semana

Publicado

em

Divulgação

Encerram-se nesta sexta-feira (27) as inscrições para o tradicional Festival Sertanejo “Luiz Carlos Cardoso”. O  evento é realizado pela Prefeitura de Pindamonhangaba por meio do Departamento de Cultura.

Na décima quinta edição do evento, aqueles que desejarem participar devem realizar inscrição pelo site www.pindamonhangaba.sp.gov.br.

As categorias são: raiz, individual e jovem música sertaneja.

O festival irá acontecer na Praça da Liberdade, no espaço Cardosão, e será dividido em duas etapas: eliminatórias e a final com a premiação em dinheiro.

A fase de eliminatória irá acontecer no domingo 5 agosto. Às 8 horas está previsto para ocorrer o sorteio da ordem de apresentação; às 9 horas, começam oficialmente as apresentações.

Serão classificados para final os candidatos das três categorias que tiverem maior pontuação do júri.

A final será no domingo (12), também com sorteio para ordem de apresentação, e em seguida, início dos shows.

Para mais informações ligue no 3642-1080 ou vá ao Departamento de Cultura, que fica na rua Deputado Claro César, 33, centro.

(Departamento de Comunicação / Prefeitura de Pindamonhangaba)

Continue Lendo

PINDA

QUALIDADE DE VIDA: 500 famílias de Pinda ganham aquecimento solar e kit LED

Publicado

em

Imagem meramente ilustrativa (google search)

500 famílias em Pindamonhangaba receberão sistema de aquecimento solar para o chuveiro

Moradores do bairro Moreira Cesar receberão gratuitamente equipamentos para banhos mais econômicos, além de um kit de lâmpadas LED

Cerca de 500 Famílias de Pindamonhangaba serão contempladas com o projeto Boa Energia Solar, da EDP, distribuidora de energia elétrica do Alto Tietê, Vale do Paraíba e Litoral Norte de São Paulo, que tem como objetivo a utilização eficiente da energia elétrica, por meio da implantação de um sistema de aquecimento solar para o banho. O programa será lançado oficialmente nesta quinta-feira (26).

A ação é fruto da parceria da EDP com a Prefeitura Municipal de Pindamonhangaba. Serão beneficiadas famílias do conjunto habitacional Residencial Liberdade 3, no bairro Moreira Cesar, que também receberão um kit de lâmpadas LED, mais eficientes e de maior durabilidade. Estas iniciativas permitirão que os moradores utilizem a energia de forma mais racional e, consequentemente, traga economia na conta de luz.

Na maioria das residências, o chuveiro elétrico é o campeão de consumo de energia elétrica. Para se ter ideia, o equipamento pode representar mais de 30% do valor total da fatura das famílias. Pensando disso, a EDP realiza o projeto Boa Energia Solar, que prevê a substituição dos chuveiros elétricos por sistema de aquecimento solar (placas coletoras, reservatórios, chuveiros inteligentes e toda infraestrutura necessária).

“Com a implantação do projeto, a EDP visa combater o desperdício de energia elétrica e contribuir para a redução das contas de luz das famílias beneficiadas, além de diminuir a emissão de CO² e o aquecimento global”, ressalta Luciano Cavalcante, gestor executivo da EDP. Em 2017, mais de 300 famílias foram atendidas pelo programa na cidade.

Evento de lançamento para a comunidade

A Distribuidora realizará na quinta-feira (26), das 18h às 22h, o evento de lançamento do projeto com a comunidade, na Associação de Convivência dos Idosos de Moreira César (Ruas dos Cravos, 240).

Com atividades abertas ao público, haverá palestras aos adultos e ações lúdicas para as crianças com a temática do melhor uso da energia elétrica. Os moradores também terão oportunidade de esclarecer dúvidas sobre a conta de luz e a Tarifa Social, que pode proporcionar desconto de até 65% na fatura, dicas de segurança e orientação para o uso eficiente.

As iniciativas fazem parte do Programa de Eficiência Energética – PEE da Distribuidora e são reguladas pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANELL).

(Departamento de Comunicação/Prefeitura de Pindamonhangaba)

Continue Lendo

Em Alta

Hospedado por ServerPro