Conecte-se agora
acesse bioenergy

CULTURA

CULTURA: Figureiros e Danças Urbanas movimentam SJC

Publicado

em

(Fotos: Divulgação PMSJC)

A Fundação Cultural Cassiano Ricardo divulga dois eventos os quais, durante setembro, atraem a atenção da população e turistas em visita a São José dos Campos. O artesanato desenvolvido pelos figureiros, com a utilização do barro e a característica pintura aplicada às peças, além de outras ações de promoção, valorização e preservação da tradicional arte manual.

Por outro lado, oficinas de Danças Urbanas já têm inscrições abertas para 8 atividades. Veja, a seguir, o material publicado pela FCCR no site oficial de São José dos Campos.

Dia do Figureiro tem programação em quatro casas de cultura

(por Avelino Israel – Fundação Cultural Cassiano Ricardo)

A Fundação Cultural Cassiano Ricardo programou uma série de atividades para celebrar o Dia do Figureiro, cuja data comemorativa, 20 de setembro, foi instituída por lei municipal. Haverá eventos até o dia 28 em quatro casas de cultura: Lili Figureira (Jardim Santo Onofre), Rancho do Tropeiro Ernesto Villela (Eugênio de Melo), Chico Triste (Vila Tesouro) e Eugênia da Silva (Novo Horizonte).

O destaque da programação é a Semana do Figureiro, que será realizada do dia 17 ao dia 22, com apoio do Instituto Ecocultura, por meio do projeto Santo de Casa – Tecnologias Populares. O evento deverá reunir várias figureiras do Vale do Paraíba, que participarão de exposição, vivência e troca de saberes.

“Queremos destacar o legado artesanal da região, difundindo e fomentando a importância dos saberes do barro como patrimônio cultural e imaterial do Vale”, explica a artista Tina Lemos, uma das curadoras do evento, ao lado da figureira Fátima Santos, filha de Dona Lili.

Casa de Cultura Lili Figureira

Rua Roberto Cruz, 40, Jardim Santo Onofre – Telefone: 3942-1005

Exposição Centenário Lili Figureira

Até o dia 28, das 9h às 21h – Como parte do projeto Vitrine Viva, a exposição reúne 20 figuras em barro feitas por Lili Figureira. Os trabalhos, de várias épocas da vida da artesã, são de diferentes tamanhos e abordam vários temas, como vida rural, mulheres que ela admirava, santos de devoção.
Projeto Memória Viva

Dias 11, 13, 18, 20 e 25, às 10h e 15h – Visitas monitoradas de grupos escolares e da comunidade para conhecer a vida e obra de Dona Lili. Para participar, é necessário fazer agendamento pelo telefone 3942-1005 ou 99740-4383.
Prosa com as Figureiras

Dia 21, às 15h – Em comemoração ao centenário de Lili Figureira, as filhas, Fátima e Francisca Santos, realizam um bate-papo aberto ao público em que retomam a história da mãe e trocam saberes sobre a área.
Semana do Figureiro

Dia 17, às 19h – Contação da história e trajetória de vida de Lili Figureira pela filha Fátima Santos, com presença do músico Fabio Camargo, do grupo Seresteiros do Vale, e do mestre Zé da Viola e aprendizes. Ao final, um café solidário ao som do estilo musical preferido de Dona Lili, o sertanejo.
Casa de Cultura Rancho do Tropeiro

Rua Ambrósio Molina, 184, Eugênio de Melo – Telefone: 3905-1855

Semana do Figureiro

Dia 18, às 9h – A figureira Luciana Melo promove uma vivência sobre os saberes do barro e abre a exposição Barroco ao Barro, de autoria dela, que fica aberta ao público até o dia 30.
Casa de Cultura Chico Triste

Rua Milton Cruz, Vila Tesouro – Telefone: 3929-7559

Semana do Figureiro

Dia 19, às 9h – Abertura da exposição comemorativa Conhecendo os Mestres Figureiros, do artista Luiz Paulo Ragazini. Aberta ao público até o fim do mês, a mostra retrata diversos santos protetores. Os familiares também estão confirmados para a realização de uma troca de saberes. Já a santeira e figureira Aurora Carmo e Silva realiza uma vivência sobre confecção de apitos, por meio da exibição de alguns trabalhos e orientações sobre a confecção da peça.
Casa de Cultura Eugênia da Silva

Rua dos Carteiros, 110, Novo Horizonte, Telefone: 3907-8024

Semana do Figureiro

Dia 20, 9h – Abertura da exposição Eugênia Figureira da Silva, que apresenta releituras de figuras feitas por ela e produzidas por aprendizes da oficina de modelagem do próprio local. Com a presença dos familiares de Dona Eugênia, a casa de cultura também receberá visitas monitoradas de escolas da região para conhecer a vida e obra da ceramista. No mesmo dia, a mestra figureira do bairro, Maria Inês de Moraes, realiza uma vivência com troca de saberes. Junto a tudo isso, o varal itinerante Aqui Mora Um Mestre de Cultura reforça as homenagens por meio de fotografias sobre a área, abordando diversos temas. Para encerrar, um café solidário.
Dia 22, às 10h – Encerramento da Semana do Figureiro, com apresentações musicais de Almir Luz, roda de conversa com artistas, ceramistas, figureiros e santeiros do Vale do Paraíba e Litoral Norte para troca de saberes.
Às 14h – Apresentações folclóricas e de cultura popular de diversos artistas do bairro e da região, como parte do projeto Palco das Artes. O grupo Congada Filhos de Zambi movimenta os convidados ao som de congos, congadas, jongos e catiras. O grupo Dedinho de Prosa apresenta o Caipiras Desde Cabral, uma homenagem à música caipira brasileira, como parte do projeto Circulação. Aacompanhado de tambores, o grupo de jongo Mistura da Raça forma uma grande roda de dança.

Mostra de Danças Urbanas recebe inscrições para oito workshops

(Avelino Israel – Fundação Cultural Cassiano Ricardo)

A Fundação Cultural Cassiano Ricardo está com vagas abertas para os oito workshops da Mostra de Danças Urbanas, que será realizada no dia 29, a partir das 13h, na Casa de Cultura Flávio Craveiro (Avenida Lênin, 200, Dom Pedro I).

Gratuitas e limitadas a 30 vagas por workshop, as inscrições devem ser feitas até o dia 27 pelo site da Fundação Cultural. Mais informações pelo telefone 3966-1136.

O evento faz parte do projeto Ocupa Palco, que também prevê a realização de apresentações de grupos convidados. A mostra será realizada em parceria com o grupo Artvidence Urban Crew e visa a troca de experiências dos praticantes de danças urbanas.

Programação

13h às 14h20

Dance Hall (sala de aula), com Claudio Luis Blackeagle
Krump (área externa), com Luiz Gustavo
14h30 às 15h50

Breaking (sala de aula), com Lucimar ‘Bs B.Girl
Jazz Funk (área externa), com Viviane Vidal
16h às 17h20

Popping (sala de aula), com Jurandir Camini Jr.
Hip-hop (área externa), com Gabriel Henry
17h30 às 18h50

Locking (sala de aula), com Darlita Albino
House Dance (área externa), com Serginho

https://www.sjc.sp.gov.br/noticias/2018/setembro/10/dia-do-figureiro-tem-programacao-em-quatro-casas-de-cultura/

Jornalista, Publicitário, Bacharel em Comunicação Social pela Universidade de Taubaté. Radialista com passagens pelas emissoras Globo e Capital 1040-AM de São Paulo, TV Setorial (Pindamonhangaba), Rede Difusora de Rádio, Rede Bandeirantes de Rádio. Escritor, autor de "Mergulho, uma proposta de ajuda" (Editora Ave Maria-SP) Produtor artístico, coordenador de eventos. Diretor proprietário da empresa Marcos Ivan de Carvalho ME Diretor do site www.canal39.com.br e da web radio www.radiocanal39.online

CULTURA

TEATRO: “Palavras e Cantos em Cena” na Casa de Cultura de Lorena nesta sexta

Publicado

em

divulgação

Na próxima sexta feira, dia 21 de setembro, às 19h30min, o grupo de teatro “Ação Encena” estréia o espetáculo “Palavras e Cantos em Cena”. A apresentação será na Casa de Cultura de Lorena (R.Viscondessa de Castro Lima, 39 – Centro, Lorena).

Neste espetáculo você encontrará poemas de Fernando Pessoa, Brecht, José Régio, Patativa do Assaré; músicas de Geraldo Vandré, Chico Buarque, Cazuza, Renato Russo, além de duas esquetes para se divertir, mas também pensar…

Entrada franca.

O espetáculo é dedicado aos 130 anos de Fernando Pessoa e 120 anos de Bertolt Brecht. Há duas esquetes embutidas na apresentação: uma que questiona a supervalorização das pessoas de grandes centros, em detrimento aos valores locais das pequenas cidades. A outra é uma metáfora da vida social, vista por seus elementos básicos como o trabalhador explorado, a figura da lei e da repressão e a consciência, questionando os valores instituídos.

O roteiro e direção: Jorge Nicoli.

(Divulgação)

 

Continue Lendo

CULTURA

CULTURA: SP celebra Primavera com projeto TODODOMINGO MUSICAL (contém vídeo)

Publicado

em

(Fotos: Nego Júnior)

A Casa das Caldeiras, na Avenida Francisco Matarazzo, Água Branca – SP, abriga uma festa pela chegada da Primavera em tom de muitos sons e ritmos, com artistas destacados em cada estilo. O convidado especial é um cantor e compositor cujo primeiro álbum foi lançado pela RCA Victor, gravadora expoente nos áureos tempos do vinil, concorrendo com a Philips Polygram e a CBS.

Di Melo, autodenominado o Imorrível mostra seu novo show para uma galera que ainda nem era viva na época de seu hit Kilariô. Veja, abaixo, a notícia preparada pela jornalista Luciana Gandelini.

TODODOMINGO MUSICAL EM SP recebe Primavera, Te amo convida Di Melo

Inaugurando a edição 2018-2019 do projeto TODODOMINGO MUSICAL EM SP, no próximo domingo, dia 23 de setembro de 2018, a Casa das Caldeiras recebe a festa Primavera, te amo.

O evento conta com a participação de um dos maiores nomes do groove brasileiro, o cantor e compositor Di Melo – o Imorrível.

A programação comandada pela Orquestra Primavera conta ainda com as participações de Juliana Strasacapa (francisco, el hombre), Aline Paes, Msário, Samuel Samuca (Samuca e a Selva), Jairo Pereira II (Aláfia), Laylah Leonel Arruda (Feminine Hi-Fi), Daniela Vieira, DJ Nuts, Tahira Tahira, Transpira, Odara Kadiegi Miranda, Dani I-Pisces (Feminine Hi-Fi), Rafael Telefone, David Carneiro, DJ BEAThoven e a Rainha do Funk, Marcio Araujo.

Casa das Caldeiras, SP (Foto: Nego Junior)

A Associação Cultural Casa das Caldeiras celebra 10 anos de TODODOMINGO e retoma com uma programação bem especial para este TODODOMINGO MUSICAL EM SP 2018-2019, com entrada sempre gratuita até maio de 2019.

O projeto realizado com o apoio do ProAC-ICMS, tem patrocínio das empresas Cachaça 51, Instituto Leo e Leo Madeiras.

Serão vinte e sete domingos com a Casa das Caldeiras ocupada pelos mais diferentes e incríveis projetos e coletivos.

TODODOMINGO MUSICAL EM SÃO PAULO – 10 ANOS

A abertura da celebração de dez anos do projeto TODODOMINGO começa com o evento Primavera, Te Amo  convida Di Melo.

Quando: 23 de setembro de 2018 – domingo –  Horário: de 15h as 23h00

Classificação etária: LIVRE Menores de idade acompanhados pelo responsáveis – Apresentação de documento com foto na entrada

Entrada: GRATUITA

Programação: Orquestra Primavera convida Di Melo, Juliana Strasacapa (Francisco, El Hombre), Aline Paes, Msário, Samuel Samuca (Samuca e a Selva), Jairo Pereira (Aláfia), Laylah Leonel Arruda (Feminine Hi-Fi), Daniela Vieira, Dj Nuts, Tahira Tahira, Transpira, Odara Kadiegi Miranda, Dani I-Pisces (Feminine Hi-Fi), Rafael Telefone, David Carneiro, Dj BEAThoven e a Rainha do Funk, Marcio Araujo.

Onde: Casa das Caldeiras

Av. Francisco Matarazzo, 2000 – Água Branca, São Paulo – SP, 05001-200

Informações – (11) 3873-6696

(Assessoria de Imprensa: Luciana Gandelini)

Nota da Redação, a título de ilustração:

Nos anos 70, ainda trintão, eu produzia e apresentava um programa de Música Brasileira, na saudosa Rádio Difusora de Pindamonhangaba.

Alguns colegas de emprego me consideravam meio maluco, quando eu aparecia com algum disco em vinil dizendo que tal música “ia acontecer”.

Foi assim com Ataulfo Jr (Os meninos da Mangueira); Agepê (Moro onde não mora ninguém), Resala’s Band (Corrida de Jangada… Por falar no Turquinho, cadê ele? Tinha uma “baita banda!), dentre outros. Certo dia chegou-me às mãos, ainda envelopado e sem uso, um LP de DI MELO, contendo KILARIÔ.

Não perdi tempo: liguei a Sonata Rio, tirei o vinil da capa, com cuidado cirúrgico e mandei ver.

Uma pegada muito vibrante, com metais bem executados, a base e as percussões cumprindo seu dever de dar o colorido para aquela voz infinitamente afinada, com inconfundível “sutaque” nordestino e casando centesimalmente com a cozinha toda.

Toquei Di Melo no meu programa durante bom tempo.

As avenidas do tempo deixaram caminho para outros voos profissionais, mas eu continuei amando a Música Brasileira, principalmente quando bem executada e cantada.

Agora, Di Melo já saído de hibernação opcional por conta de tomar conta da família e dar um tempo fora dos palcos e das gravadoras, acontece na Casa das Caldeiras com muito groove e, logicamente, músicos competentes.

Se ele é Imorrível, a Festa é Imperdível. Aprecie abaixo o hit Kilariô (Clareou!)

Marcos Ivan, jornalista MTb36001 – Canal39

 

Continue Lendo

CULTURA

TEATRO: SESC SJC recebe a premiada Trupe DuNavô no domingo 23

Publicado

em

(Fotos: Sissy Eiko)

Trupe DuNavô apresenta Refugo Urbano no próximo domingo (23/set) no SESC São José dos Campos. Uma premiada fábula que promete encantar adultos e crianças com uma “quase” história de amor entre dois palhaços!

De volta à cidade de São José dos Campos, a premiada Trupe DuNavô desta vez convida o público para conhecer e se apaixonar pela história dos palhaços Pamplona e Claudius, numa bela fábula infantil.

No próximo domingo, dia 23 de setembro de 2018, às 15h00, o grupo apresenta o espetáculo Refugo Urbano no Auditório do SESC São José dos Campos.

O universo de uma catadora de lixo e de um lixeiro, retratado de forma sensível e criativa. Um cenário construído a partir de objetos descartados é o ambiente onde os palhaços Pamplona e Claudius irão se encontrar para viver uma possível história de amor. E é a partir deste improvável encontro, que se dá uma delicada e encantadora fábula urbana, que desde a sua criação surpreendeu o público e agradou a crítica especializa.

O espetáculo Refugo Urbano recebeu duas indicações para o Prêmio São Paulo de Incentivo ao Teatro Infantil e Jovem (antigo Prêmio FEMSA), nas categorias Melhor Atriz (Gabi Zanola) e Prêmio Sustentabilidade, categoria com a qual foi premiado pelo uso criativo de sucatas e material reciclado, retratando com sensibilidade o universo de pessoas em situação de vulnerabilidade social nas grandes cidades. Em uma votação especial, organizada para escolher os melhores do ano, o espetáculo foi eleito pelos leitores do Guia Folha como Melhor Espetáculo Infantil do Ano de 2015.

(Foto: Sissy Eiko)

Refugo Urbano conta a história de dois palhaços vindos de universos distintos, que a partir de um encontro improvável, passam a conviver e lidar com suas diferenças. Pamplona é uma catadora de lixo e Claudius, um lixeiro. Eles se encontram em um beco esquecido da cidade, e passam a ter um divertido convívio em meio ao improvável.

Com brincadeiras circenses, corpo cômico, malabarismo e o divertido jogo do palhaço, o espetáculo traz para o palco o resultado dos experimentos anteriores da trupe, pesquisando a máscara do palhaço e realizando intervenções urbanas, onde entraram em contato com a realidade das ruas do centro de São Paulo e de algumas periferias. Dessa forma, a Trupe aprofunda suas pesquisas em torno do que chamou de “universo dos invisíveis”, colocando sobre essa realidade outra perspectiva, explorando o que há de mágico na fria e crua realidade de quem vive à margem na sociedade.

Formada por Renato Ribeiro, Gis Pereira, Vinicius Ramos e Gabi Zanola, a Trupe Dunavô vem se destacando na cena do teatro infantil de São Paulo com espetáculos de alta qualidade.

Com seus diferentes projetos a trupe já passou por importantes palcos do teatro e do circo, entre eles: Espaço dos Parlapatões, Festival Nacional de Teatro de Jales, XII Festival Nacional de Teatro de Limeira, Circuito SP de Cultura, Festival Risadaria, Circuito Cultural Paulista (APAA-Associação Paulista de Amigos da Arte), Festival Paulista de Circo, Viagem Teatral SESI 2017, Galpão do Folias, Virada Sustentável, Festival em Janeiro Teatro para Criança é o Maior Barato,  além de circular por diversas unidades do SESC de São Paulo e Capital, Fábricas de Cultura e teatros distritais

Se você ainda não conhece o trabalho dessa divertidíssima trupe, se programe para participar da temporada no SESC Pinheiros. Mais informações acesse: www.facebook.com/DuNavo

Espetáculo Refugo Urbano – Com: Trupe DuNavô

Dois mundos excêntricos, caos e ordem, ligados pela ação da transformação. Dois seres intrigantes e complexos. Claudius é organizado, comedido e cuidadoso. Pamplona é vibrante, emocional, e guarda consigo um universo único debaixo de seus sacos plásticos e papelões. Eles não se conhecem… ainda! Porém juntos, descobrirão o que há de mágico na trágica crueza das ruas.

A Trupe DuNavô apresenta uma história de sentimentos, humanidade, sonhos, amor… e palhaços!

Quando: 23 de setembro de 2018 – domingo – Horário: 15h00

Onde: SESC São José dos Campos – Av. Dr. Ademar de Barros, 999 – Jardim Sao Dimas, São José dos Campos – SP, 12245-010 – Telefone: (12) 3904-2000

Duração: 50 minutos

Local: Auditório

Capacidade: 126 lugares

Classificação: A partir de 4 anos

Ingressos: R$ 5,00 Comerciário / R$ 8,50 meia-entrada / R$ 17,00 Inteira

(Assessoria de Imprensa: Luciana Gandelini )

Continue Lendo

Em Alta

Hospedado por ServerPro