CUNHA VIVE TEMPOS DE ACORDES NA SERRA

CUNHA VIVE TEMPOS DE ACORDES NA SERRA

 Torres da Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição, em foto clicada do Refeitório da Pousada Vila Rica (Foto: Marcos Ivan, Canal39)

Acolhedora e extremamente simpática, a Estância Climática de Cunha, a 950m de altitude, vive, em julho, a 24ª edição do Festival de Inverno Acordes na Serra.

Com programação cobrindo todo o mês de férias, o Acordes na Serra promove a divulgação dos valores artísticos locais, regionais e contempla ao público com grandes nomes das artes musicais.

Contando com o apoio logístico impecável da Pousada e Gastronomia Vila Rica, a reportagem do Canal39 teve a oportunidade de acompanhar muitos dos eventos programados para o fim de semana do meio de julho.

Na sexta-feira, 14, o conhecido cantor e compositor Beto Mi e sua banda fizeram um passeio pela história da MPB, mostrando grandes sucessos nacionais, trazendo para a frente das lembranças um pouco de muita saudade boa e, ainda, desfiando algumas de suas músicas autorais, todas merecedoras de elogios, também pela qualidade das letras como a indispensável melodia.

Beto Mi e Banda (Fotos: Edna Maischberger /Marcos Ivan, Canal39)

No dia seguinte, já por volta das 15h, o palco foi espaço para a moçada da Banda Vellim e convidados, que levaram um pop rock inteligente e com remissão, também, a grandes sucessos nacionais e internacionais.

Os jovens já contam com uma “torcida organizada' e a mesma contagiou muitos dos visitantes com a vibração de quem conhece o bom desempenho da Vellim.

Banda Vellim (Fotos: Edna Maischberger / Marcos Ivan, Canal39)

Com um trabalho muito bem elaborado, prestando tributo ao grupo formado pelos irmãos Gibb, desde 2000 os amigos Tony Escriptori (Voz), Júnior Santana (Voz e Violão) e Guido Roverso (Piano/Violão) sobem aos palcos com o show Bee Gees Alive, o qual foi mostrado em Cunha para grande público.

A história musical dos Gibb foi contada pelos três incondicionais fãs e também artistas com a cumplicidade da banda formada por Leandro Roverso(Teclado) Rogério Scarton(Guitarra/Violão) Márcio Nunes(Bateria) e Fábio Del Popollo(Baixo).

Um verdadeiro embalo no sábado à noite, com o som da trilha de Grease, Saturday Night Fever, por exemplo, e as indispensáveis românticas de todos os tempos, como I Started a Joke e How Can You Mend a Broken Heart.

Bee Gees Alive (Fotos: Edna Maischberger / Marcos Ivan, Canal39)

Para o almoço de domingo, na bem cuidada praça de alimentação do Acordes na Serra, os organizadores escalaram o conhecido e requisitado João Galvão. O moço tem uma coleção de músicas simplesmente respeitável. Passeia, com extrema tranquilidade, pelos repertórios do cancioneiro brasileiro, de Raimundo Fagner a Roberto Carlos, Chitãozinho & Xororó a Cely Campello, Tim Maia a Zé Ramalho, dentre outros tantos. Violão e bateria eletrônica são seus parceiros de palco, muito bem harmonizados.

João Galvão (Fotos: Edna Maischberger / Marcos Ivan, Canal39)

Mais uma vez a cultura musical da Região foi destaque, no espetáculo da tarde, com o grupo Orgulho Caipira, da vizinha Lagoinha. Com direito a duas sanfonas, um curioso contrabaixinho e muita alegria, o pessoal do chapéu country deu conta do recado e animou turistas e locais, fazendo muita gente dançar ou, no mínimo, cantarolar as “modas” apresentadas.

Grupo Orgulho Caipira, de Lagoinha (Fotos: Edna Maischberger / Marcos Ivan, Canal39)

No espetáculo da noite aconteceu a apresentação dos irmãos Joel e Geovam, já conhecidos do público local.

Troca de calor humano, alegria e repertório repleto de grandes resgates dos aplaudidos “modões” e - ainda – mostrando muito do excelente trabalho musical da dupla. Essa é a síntesse possível para se falar de um bom espetáculo de música sertaneja, sem apenas ficarem no chamado sertanejo universitário. Foi-nos possível observar, em meio ao público, jovens universitários cantando o “ainda ontem chorei de saudade”, pérola sertaneja da autoria de Moacyr Franco e consagrada nas vozes de João Mineiro & Marciano.

Joel & geovam (Fotos: Edna Maischberger / Marcos Ivan, Canal39)

O Festival de Inverno Acordes na Serra acontece até 30 de julho e tem, como destaques para os próximos finais de semana, apresentações do Quarteto Sentinela (herdeiros do pessoal do Clube da Esquina), Banda Serial Funkers e Orquestra Bragatina de Viola Caipira.

DESTAQUE ESPECIAL:

Louve-se a organização da Praça de Alimentação do Acordes na Serra.

Mesas e cadeiras bem cuidadas, serviço de manutenção da limpeza com seu pessoal sempre “conectado”, evitando o acúmulo de pratos ou embalagens de bebidas sobre as mesas. A remoção desses objetos é sempre de forma constantes e com os responsáveis extremamente educados e atentos.

Detalhe da Praça de Alimentação (Foto: Edna Maischberger, Canal39)

As barracas, padronizadas, oferecem pratos à base de pinhão e trutas, buscando combinar sabores com diversidade de opção, como o pinhão tostado com calabresa e cebola ou pinhão tostado na manteiga com queijo parmesão. O filé de truta é digno de aplausos.

     Pinhão tostado, acompanhado com calabresa acebolada. Ao fundo, GuaraCunha, sabor pêssego. (Foto: Marcos Ivan, Canal39)

Mas há, também, a possibilidade de se degustar pastéis fritos na hora, cuja barraca é muito concorrido, a canjiquinha com torresmo e couve, a canjica doce, frango à passarinho e porções tradicionais. Um pouco da variedade de cardápios.

Não nos esquecendo do tradicional quentão e seu “compadre” vinho quente.

Muitas barracas aceitam cartões débito/crédito.

O espaço conta com rede aberta de internet (wi-fi) fornecida pela Rural Telecom.

GALERIA DE FOTOS 01                                         GALERIA DE FOTOS 02

Veja a programação para os próximos dias:

(Redação: Marcos Ivan, fotos Edna Maischberger / Marcos Ivan, Canal39, exceto arte do cartaz)

 CUNHA VIVA TEMPOS DE ACORDES NA SERRA

CLIQUE A IMAGEM E SAIBA MAIS SOBRE ESTAR EM CUNHA E MERECER CONFORTO E BOM ATENDIMENTO PARA HOSPEDAR-SE.

 

Olá, deixe seu comentário para CUNHA VIVE TEMPOS DE ACORDES NA SERRA

Enviando Comentário Fechar :/